Casa Máy > Aromaterapia > Aromaterapia messiânica

< voltar

Aromaterapia messiânica

Postado às 12:00 do dia 15/11/19

A vida é uma dor de barriga. Você pode ter intervalos bons entre um episódio e outro, mas frequentar o banheiro será inevitável. Medo, raiva, ansiedade, tristeza, pesar, mágoa, solidão, angústia, desesperança, apatia, desconforto, insegurança, desespero, culpa – todo o rol das nossas doces mazelas humanas.

Então um beijo, um sorriso, um abraço, um carinho, um gozo, uma alegria. E novamente medo, raiva, ansiedade…

A roda do Karma. O Yin e o Yang. A Roda da Fortuna. Alea jacta est.

Absolutamente todas as tradições médicas mundiais lidam com o fracasso, lidam com o milagre. Mesmo nossa toda poderosa medicina convencional aceita que não pode tudo, embora consiga muito.

O acaso, o fortuito, o inexplicável, o improvável ao lado do inevitável, do inexorável, do inelutável, do irremissível.

Na tragédia grega, deus ex machina ensinava à plateia que não podemos tanto. Não neste planeta, não abaixo de Deus.

Dois mil anos depois romperam a roda do Karma, desuniram o Yin do Yang, quebraram a Roda da Fortuna. As moiras ficaram sem o que tecer.

A aromaterapia nos salvará a todos, restabelecerá o Éden. Aqui na Terra, bem embaixo de Deus.

Quanto a mim, prefiro continuar com dor de barriga. Apenas me indiquem onde é o banheiro mais próximo.

Beijo de cheiro, Mayra.

Leia também no Facebook.

Posts Relacionados

Comentários

Galeria de Fotos do Pinterest

Assinar Newsletter