Casa Máy > Minhas Leituras e Estudos > Um Curso em Milagres e A História da Lili

< voltar

Um Curso em Milagres e A História da Lili

Postado às 19:47 do dia 18/10/12

Quando O Segredo estourou aqui no Brasil, meus alunos me diziam que Um Curso em Milagres (UCEM) era muito mais bacana. Passados quantos? 4? 5 anos? vim finalmente conhecê-lo. Mas o conheci por vias indiretas, pois me caiu nas mãos a autobiografia de Liliam Salles de Oliveira Paes – o livro A História de Lili – que é a tradutora do UCEM para o português. Pra variar, quem me indicou a leitura foi minha livreira preferida, Angélica Ayres, da Mahatma Livraria, que participa de um grupo de estudos de UCEM em Curitiba e me contava o imbróglio comercial que cerca o livro Um Curso, quando eu me queixei a ela do seu valor.

Mas não estou aqui pra falar do UCEM, e sim da autobiografia de Lilliam. É um dos livros mais malucos que li ultimamente. Tem alternância de foco narrativo, tem mudança de estilo (ora é diário, ora é cronologia, ora é narrativa), tem uma linha do tempo que vai e volta algumas vezes, deixando-nos confusos. Mas é interessante, como não poderia deixar de ser a história de uma mulher pioneira no campo das técnicas de autoconhecimento e filosofias para a expansão da consciência. Para tornar o projeto do UCEM em português uma realidade, ela dedicou 10 anos de sua vida e fez coisas do arco da velha, sacrifícios que apenas alguém comprometido com uma missão consegue encarar.

Ficamos sabendo, por exemplo, que a primeira edição do UCEM chegou ao Brasil às vésperas da tranqueira do Plano Collor e que, como todos os cidadãos brasileiros, Lilliam também foi vitima do abuso do confisco do dinheiro privado por aquele ex-presidente da República. Para vender esses primeiros UCEM impressos em português, Lilliam os estocou num apartamento no Rio de Janeiro e, juntos, eles somaram a exorbitância de 7 toneladas. Pudera! Cada livro pesava 1,3 kg.

Além dessas façanhas, fica patente pela autobiografia que alguém que se dedica ao autoconhecimento não tem uma vida incomum, nem é um super-herói e certamente não lhe cai benesses do céu. Lilliam usa de franqueza para narrar seus percalços pessoais e de mais franqueza ainda para contar de sua condição humana, que ama, que chora, que ri, que despreza, que duvida, que tem medo, que perdoa.

Se isso já forem ingredientes suficientes para você ler o livro, ele pode ser encomendado no site UCEM.

Em tempo, fui avisada que a UNIPAZ Curitiba tem mantido um seminário gratuito sobre Um Curso em Milagres às sextas-feiras, das 17h às 21h. Veja a informação.

Abraços, Mayra.

Posts Relacionados

Comentários

Galeria de Fotos do Pinterest

Assinar Newsletter