Casa Máy > Aromaterapia > YL toma processo por contrabandear OEs de pau-rosa e nardo

< voltar

YL toma processo por contrabandear OEs de pau-rosa e nardo

Postado às 18:13 do dia 19/09/17

Gigante da aromaterapia nos EUA é processada por comercializar óleos essenciais de pau-rosa e de nardo ilegais. Foi uma notícia vastamente comentada na fan page da Essential Oil University hoje. Investigações que tomaram cerca de cinco anos concluíram que a gigante de aromaterapia norte-americana Young Living (principal concorrente da e precursora da doTerra) comercializou óleos essenciais de Pau-Rosa e de Nardo adquiridos sem as devidas autorizações dos governos peruano e nepalense respectivamente. Apenas do OE de pau-rosa, a importação de dois anos foi estimada em 1 ton. (Leia a notícia aqui.)

Depto Justiça EUA YL Set17

Fonte: https://www.justice.gov/opa/pr/essential-oils-company-sentenced-lacey-act-and-endangered-species-act-violations-pay-760000

Que que nós temos a ver com isso? Muito!

1) Quando dizemos “acha-se pau-rosa, copaíba, erva-baleeira, sangue de dragão ou o que o valha mais fácil fora que dentro do Brasil”, isto não é automaticamente bom. Pode significar apenas que a corrupção é mais fácil em dólar, em euro ou em libra que em reais.

2) Grandes empresas (hello, Natura!) que alardeiam no marketing boas práticas, como o da YL, “Seed to Seal, rigorous quality control steps (ou o CTGP da sua concorrente) podem ser apenas isso: marketing no pior sentido do termo, ie, mentira. “Sabe de onde nosso pau-rosa vem? Sim, nós também: contrabandeado do Peru através de nossa fazenda no Equador.”

YL Seed-to-Seal

Fonte: http://mothernurture.us/wp-content/uploads/2016/03/seedtosealcover.jpg

 

3) Se uma espécie figura na Red List, e se você se importar em preservá-la, você não compra seu OE sem as devidas certificações: pau-rosa, sangue-de-dragão, sândalo album, olíbano sacra/carterii, cedro atlas, cedro himalaia, nardo, canela do Ceilão. Fique ligado: OEs obtidos de troncos e cascas via de regra estão em árvores de espécies ameaçadas. Motivo óbvio: você precisa matar a árvore pra usá-la. E a árvore leva outros 20 anos pra crescer de novo (se for replantada).

4) Empresas brasileiras podem ou não estar vendendo estes OEs com as devidas certificações, não vou entrar no mérito. Mas pra nós no Brasil é mais fácil pressioná-las por rastreio de origem que pressionar as estrangeiras. Prestigie (e pressione) as empresas brasileiras.

5) Abra sua cabeça: você até pode, mas fica esquisito pacas ser aromaterapeuta e não se ligar em ecologia. Defenda a ecologia, defenda o manejo sustentável, defenda a biodiversidade, defenda políticas públicas preservacionistas.

 

Um abraço, Mayra.

 

Comentários

Galeria de Fotos do Pinterest

Assinar Newsletter